METODOLOGIA DE PROJETOS EM ELEARNING
Código: 12091
ECTS: 10
Departamento: Departamento de Educação e Ensino a Distância
Área Científica: Ciências da Educação
Palavras-Chave:
    Projeto;
    Metodologia de Projeto;
    Desenvolvimento de Projetos;
    Avaliação de Projetos
Docente:
Branca Miranda
Área Científica: Geografia; Ciências da Educação.
Correio Eletrónico: branca.miranda@uab.pt

Sinopse:
O estudante é iniciado e preparado para a problemática específica da metodologia de projetos de eLearning e para a seleção, desenho e construção de um plano de desenvolvimento do projeto. O estudante deverá estudar, discutir e refletir metodologias de trabalho de projeto em geral e, através/e com o apoio da web e, elaborar um projeto coerente e bem fundamentado.


Competências:
i)    problematizar e articular a conceção de projetos educativos, pedagógicos e de eLearning
ii)    refletir sobre as metodologias de trabalho de projeto tendo em vista a sua aplicação a situações concretas de eLearning;
iii)    planear e justificar a operacionalização de um projeto de eLearning;
iv)    conceber e fundamentar o design e a operacionalização de um trabalho de projeto atendendo a critérios de inovação educativa e de sustentabilidade;
v)    comunicar conclusões e raciocínios de forma clara e argumentar os seus pontos de vista de modo sustentado

 


Conteúdos:
I - Conceito de Projeto
II- Fases de um projeto de eLearning em Educação
II - Avaliação de projetos educacionais

 


Bibliografia:
•    Anderson, T. (2005). Design-based research and its applications to a call centre Innovation in distance Education. In Canadian Journal of Learning and Technology, V. 31(2) Winter / hiver.
•    Coutinho, C., Sousa, A., Dias, A., Bessa, F., Ferrreira, M. e Vieira, S. (2009). Investigação-acção: metodologia preferencial nas práticas educativas. In Psicologia Educação e Cultura, V. XIII, nº 2, pp. 455-479.
•    Design-Based Research Collective (2003) Design-Based Research: na emerging paradigm for educational inquiry. Educational Researcher, Vol. 32, Nº 1, pp. 5-8.
•    Miranda, B e Cabral, P (2011). Projetos de Intervenção Educativa. Polic. (Ponte, J. P., Brunheira, L, Abrantes, P. e Bastos, R. (1998). Projetos educativos. Lisboa: Departamento do Ensino Secundário, Ministério da Educação.
•    Bardin, L. (1995). Análise de Conteúdo, Lisboa: Edições 70.

 


Total de Horas de Trabalho: 260
Total de Horas de Contacto: 52

Avaliação:
A avaliação tem caráter individual e implica a coexistência de duas modalidades: avaliação contínua (60%) e avaliação final (40%). Essa avaliação será desenvolvida na aplicação de formas diversificadas, definidas no Contrato de Aprendizagem da unidade curricular.