LITERATURA E CULTURA PORTUGUESAS – ÉPOCA MODERNA
Código: 51145
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Humanidades
Área Científica: Literatura e Cultura Portuguesas
Palavras-Chave:
    Identidade cultural
    Modernidade
    Geração de Orpheu
    Geração da presença
Docente:
Ana Nascimento Piedade
Área Científica: Literatura e Cultura Portuguesas
Correio Eletrónico: ananp@uab.pt

Sinopse:

A presente unidade curricular propõe-se, com base num corpus selectivo de textos, explicitar e sistematizar algumas das principais noções e questões susceptíveis de iluminar o processo de construção da modernidade literária, no âmbito da literatura e da cultura portuguesas da primeira metade do século XX.
Tendo como pressuposto que são a literatura e a cultura bem como os seus autores e protagonistas que constituem o foco gerador dos problemas teóricos e críticos, privilegia-se aqui o estudo das gerações de Orpheu e da presença, entendidas como momentos histórico-culturais privilegiados para a indagação e a observação analítico-crítica dos modos como foi sendo concebida, construída e exercitada, no contexto português, a referida modernidade estético-literária e cultural.



Competências:
A presente unidade curricular visa promover e estimular:

•a aprendizagem das matérias, assim como a leitura da bibliografia - activa e passiva - que constituem o seu objecto de estudo;
•a aptidão para hierarquizar e caracterizar as principais linhas de força sócio-culturais e histórico-literárias que enquadram os autores e as obras incluídos no elenco programático proposto;
•a capacidade de apreensão articulada das relações dinâmicas existentes entre os textos literários e os textos de índole programática e metaliterária que com eles se relacionam;
•a reflexão e a crítica, no âmbito dos temas, autores e textos abordados, assim como o exercício de uma forma de expressão correcta e estruturada.







Conteúdos:
I. Reflexão sobre o conceito de Modernidade: enquadramento histórico-cultural e configuração estético-literária.
II. Especificidade conceptual e cultural do Modernismo português.
III. A Geração de Orpheu ou “a modernidade em acto”.
IV. A Geração da presença e a configuração do segundo Modernismo.


Bibliografia:
NOTA: A bibliografia específica, relacionada com o elenco programático em estudo, será indicada e/ou disponibilizada ao longo da leccionação desta unidade curricular.

Bibliografia principal:

CALINESCU, Matei, As Cinco Faces da Modernidade, Lisboa, Vega, 1999.
GUIMARÃES, Fernando, O Modernismo Português e a sua Poética, Porto, Lello Editores, 1999.
GUIMARÃES, Fernando, Os Problemas da Modernidade, Lisboa, Editorial Presença, 1994.
LISBOA, Eugénio, O Segundo Modernismo em Portugal, Lisboa, Instituto de Cultura e Língua Portuguesa, Biblioteca Breve, 1984.
LOURENÇO, Eduardo, Tempo e Poesia, Lisboa, Relógio D’Água, 1987.
MONTEIRO, Adolfo Casais Monteiro, O que foi e o que não foi o movimento da Presença, Lisboa, INCM, 1995.
NEGREIROS, José de Almada, Obras Completas, Vol. VI, Textos de Intervenção, Lisboa, Imprensa Nacional - Casa da Moeda, 1993.
PESSOA, Fernando, Obra Poética, Rio de Janeiro, Nova Aguilar, 1977.
PIEDADE, Ana Nascimento, A Questão Estética em Mário de Sá-Carneiro, Lisboa, Universidade Aberta, 1994.
PIEDADE, Ana Nascimento, “Eduardo Lourenço ou a revolução da exegese pessoana?”, in relâmpago, Revista de Poesia, nº 22, Abril de 2008, Ano XI, “Eduardo Lourenço leitor de poesia”, Dir. Gastão Cruz, pp. 73-84.
RÉGIO, José, Páginas de doutrina e crítica da "presença", Lisboa, Brasília Editora, 1977.
SÁ-CARNEIRO, Mário de, Correspondência com Fernando Pessoa, Vol. I e II, Lisboa, Círculo de Leitores, 2004.
SIMÕES, João Gaspar, Perspectiva Histórica da Poesia portuguesa (Dos Simbolistas aos Novíssimos), Porto, Brasília Editora, 1976.

Bibliografia complementar e de consulta:

BAUDELAIRE, Charles, A Invenção da Modernidade (Sobre Arte, Literatura e Música), Lisboa, Relógio D’Água, 2006.
CEIA, Carlos, (Ed. e Org.), E-Dicionário de Termos Literários. Disponível em:http://www.fcsh.unl.pt/edtl/index.htm
COELHO, Jacinto do Prado, Dicionário de Literatura - Literatura Portuguesa, Literatura Brasileira, Literatura Galega, Estilística Literária, (3ª ed.), 5 volumes, Porto, Figueirinhas, 1981.
GUIMARÃES, Fernando, Artes Plásticas e Literatura. Do Romantismo ao Surrealismo, Porto, Campo das Letras, 2003.
GUIMARÃES, Fernando, Simbolismo, Modernismo e Vanguardas, Lisboa, INCM, 1982.
LOURENÇO, Eduardo, Fernando Pessoa Revisitado, Lisboa, Moraes, 1981.
LOURENÇO, Eduardo, Fernando Rei da nossa Baviera, Lisboa, INCM, 1993.
MARTINS, Fernando Cabral, (Org.), Dicionário de Fernando Pessoa e do Modernismo Português, Lisboa, Caminho, 2008.









Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.


Observações:
Tendo em conta que esta unidade curricular pretende abordar autores e textos considerados emblemáticos no âmbito da Literatura e da Cultura Portuguesas, alertam-se os estudantes para a importância da disponibilidade e da apetência para a leitura integral da bibliografia.