LITERATURA PORTUGUESA II
Código: 51166
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Humanidades
Área Científica: Literatura
Palavras-Chave:
    Classicismo
    Barroco
    Árcades e pré-românticos
    Romance oitocentista
Docente:
Ana Rita de Sá Soveral Padeira
Área Científica: Literatura - Estudos Portugueses
Correio Eletrónico: anarita@uab.pt

Sinopse:

Unidade curricular que oferece uma panorâmica da Literatura Portuguesa desde finais do séc. XVI até ao séc. XIX. São apresentadas as principais características que ilustram e distinguem as diversas formas literárias cultivadas durante determinado espaço temporal, bem como analisados os seus autores mais significativos. São ainda abordados alguns textos considerados paradigmáticos para a compreensão do período em estudo. Em cada ano serão propostos dois autores ou duas obras literárias de leitura integral para um estudo aprofundado.



Competências:
No fim desta unidade curricular o estudante deverá ter adquirido/desenvolvido:
•conhecimentos panorâmicos sobre as características da literatura portuguesa dos diferentes períodos estudados;
•competência para entender e ler criticamente os textos no português da época;
•capacidade para aplicar, seletiva e criticamente, os conhecimentos adquiridos na análise de diversos tipos de textos;
•capacidade de expressão, síntese, reflexão e crítica.



Conteúdos:
I.Século XVI – Classicismo
 •A poesia de Sá de Miranda: entre a tradição e a inovação
 •António Ferreira: o ideal clássico na poesia e na tragédia
II.Século XVII – Barroco
 •O anti renascimento: tendências e temas em alguns poemas dos cancioneiros barrocos
 •A oratória de Vieira. O Sermão de Santo António aos peixes.
III. Século XVIII - A revolução das “Luzes”
 •Inovação na poesia dos árcades
 •O advento do romantismo em Bocage e na Marquesa de Alorna
IV. O romance português na segunda metade de Oitocentos
 •A abordagem estética do realismo – naturalismo em Júlio Dinis, Camilo Castelo Branco e Eça de Queirós - As pupilas do senhor reitor, Eusébio Macário e o conto Singularidades de uma rapariga loira, respetivamente



Bibliografia:
Bibliografia principal:
MAGALHÃES, Isabel Allegro de (coord.), História e Antologia da Literatura Portuguesa: século XVI, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2007 (Volumes I e II) - também disponível online: http://www.leitura.gulbenkian.pt/boletim_cultural/boletim_cultural.php?serie=HALP (fasc. nº 10 a 27)
MAGALHÃES, Isabel Allegro de (coord.), História e Antologia da Literatura Portuguesa: século XVII, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, 2007 (Volume III) também disponível online:http://www.leitura.gulbenkian.pt/boletim_cultural/boletim_cultural.php?serie=HALP (fasc. nº 28 a 37)
RIBEIRO, Maria Aparecida, Realismo e Naturalismo, in História crítica da literatura portuguesa, Carlos REIS (coord.), Volume VI, Lisboa, Verbo, 1994.
Bibliografia de Apoio:
BUESCU, Maria Leonor Carvalhão, Literatura Portuguesa Clássica, Lisboa, Universidade Aberta, 1992.
SARAIVA, António José & LOPES, Óscar, História da Literatura Portuguesa, Porto, Porto Editora, (qualquer uma das reedições).

Nota: Será ainda recomendada bibliografia complementar para cada ponto específico dos conteúdos da unidade curricular.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.