EDUCAçãO ABERTA A DISTâNCIA
Código: 11010
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Educação e Ensino a Distância
Área Científica: Ciências da Educação
Palavras-Chave:

    Educação a Distância
    ELearning
    Ambiente virtual de Aprendizagem
    Conceitos emergentes

Docente:
Lina Morgado
Área Científica: Ciências da Educação.
Correio Eletrónico: lina.morgado@uab.pt

Sinopse:

Nesta unidade curricular abordam-se aspetos concetuais do ensino a distância e da sua evolução; são caracterizados os conceitos de elearning, blended learning, mobile learning, educação online realidade aumentada e recursos educacionais abertos. Caracterizam-se as abordagens de aprendizagem independente e de aprendizagem cooperativa e colaborativa e é analisado o papel dos diversos atores no processo de formação a distância com destaque para o papel do formador de acordo com estas estratégias. São ainda analisadas ferramentas tecnológicas possíveis para o desenvolvimento de programas de elearning, com referência às respetivas vantagens e inconvenientes. Analisam-se ambientes de aprendizagem e o desenho geral de programas de formação em elearning.



Competências:

Pretende-se que no final desta unidade o estudante seja capaz de:

• Aplicar os diferentes conceitos a casos concretos.
• Caracterizar e seleccionar estratégias de aprendizagem adequadas às diversas modalidades de aprendizagem referidas.
• Caracterizar o papel do formador em função dos destinatários e das estratégias escolhidas para um dado curso em EaD.
• Analisar as vantagens e inconvenientes de ferramentas tecnológicas em função dos objectivos visados com um programa de formação.
• Analisar criticamente um programa de formação a distância, do ponto de vista da escolha dos instrumentos tecnológicos e das modalidades pedagógicas e sua relação com os destinatários e com os objectivos de formação.



Conteúdos:

Os conteúdos estruturam-se em 3 temáticas:
1. Educação a distância e educação aberta
2. Ensino e aprendizagem em educação a distância
3. A organização de projetos de formação a distância



Bibliografia:

 Bibliografia obrigatória [Obras fornecidas aos estudantes  no espaço online da u.c.]:
•  J. Vermeersch (coord.). (2006). Iniciação ao Ensino a Distância, Brussel, Het Gemeenschasonderwijs.
•  Morgado, L. (2011). Desafios emergentes para o ensino aberto a distância: bloqueios e oportunidades, Lisboa, no prelo.
•  Morgado, L. (2011). Dispositivo  interativo de tecnologias a usar para  educação aberta e a distância. Lisboa.
•  Morgado. L. (2005). Novos papéis para o Professor/Tutor na Pedagogia Online, Vidigal & Vidigal (Ed.)  Educação, Aprendizagem e Tecnologia: Um Paradigma para professores do Século XXI. pp. 95-120, Lisboa: Ed. Sílabo.
•  Morgado. L. (2003). Os novos desafios do tutor a distância, Revista Discursos,  Nº Especial, nº  77-89.  http://repositorioaberto.univ-ab.pt/bitstream/10400.2/150/1/Revista-Discursos77-89.pdf
•  Morgado, L. (2001). O papel do professor em contextos online: problemas e virtualidades, Revista Discursos  nº 3, pp125-138. [Repositório da Universidade Aberta].

Complementar:
Moore, M., Kearlsley, G. (2007). Educação a Distância – uma visão integrada. Thomson.
R.M. Barbosa (Org). (2005). Ambientes virtuais de aprendizagem, Artmed.
A bibliografia e recursos eletrónicos obrigatórios para cada tema, no formato de texto, vídeo e software, serão disponibilizados na sala de aula virtual aos estudantes inscritos.



Metodologias de Ensino:

E-learning.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.


Observações:
Esta u.c. pressupõe o trabalho em equipas com base em ferramentas colaborativas.
Será desejável a frequência desta unidade curricular na modalidade de avaliação contínua e um activo envolvimento por parte dos participantes.