PRé E PROTO-HISTóRIA DE PORTUGAL
Código: 31102
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Ciências Sociais e de Gestão
Área Científica: História
Palavras-Chave:
    1. Pré-História 
    2. Proto-História 
    3. Arqueologia 
    4. História
Docente:
Glória Évora
Área Científica: História
Correio Eletrónico: gloria.evora@uab.pt

Sinopse:
Esta unidade curricular abarca o longo lapso temporal desde os primeiros testemunhos da presença humana em território português até ao final da Idade do Ferro situável nos dois últimos séculos do 1º milénio a.C.


Competências:
Os estudantes devem, no final desta unidade curricular, ter adquirido conhecimentos específicos mas necessariamente abrangentes sobre o passado humano pré e proto-histórico do território português, desde o Paleolítico Inferior Arcaico, há mais de um milhão de anos, até ao final da Idade do Ferro, cerca do século II a.C. Ao longo da sua aprendizagem, os estudantes deverão tomar conhecimento com as estações e artefactos mais representativos, a partir dos quais desenvolverão aproximações de carácter económico, social e cultural às correspondentes populações.


Conteúdos:
Do Neolítico Antigo ao final do Calcolítico. Evolução da cultura material, aspetos sociais, económicos e culturais: a emergência da metalurgia e a complexificação social; práticas funerárias. O megalitismo. Manifestações artísticas. A Idade do Bronze e a acentuação dos regionalismos. O povoamento, a economia e a sociedade. O mundo funerário. Aspetos da cultura material: a metalurgia do bronze e a joalharia. Relações transregionais no Bronze Final: o Atlântico e o Mediterrâneo.


Bibliografia:
Obrigatória:
Cardoso, J. L. (2007) -  Pré-História de Portugal, Lisboa:  Universidade Aberta, 527p.

Complementar:
Ao longo do semestre serão disponibilizados textos complementares no espaço da UC.


Metodologias de Ensino:

E-learning.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.


Observações:
Os estudantes têm de ter acesso a um computador com ligação à Internet, ter um endereço de correio electrónico e, desejavelmente, possuir literacia informática na perspectiva do utilizador.
Esta unidade curricular é leccionada em língua portuguesa.