PROBLEMAS SOCIAIS CONTEMPORâNEOS
Código: 41047
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Ciências Sociais e de Gestão
Área Científica: Sociologia
Palavras-Chave:
    Estudar os problemas sociais
    Problema sociológico
    Globalização
    Ambiente
Docente:
Caio Novaes
Correio Eletrónico: crbnovaes@gmail.com

Sinopse:
Esta unidade curricular tem como objetivo proporcionar uma visão teórica e factualmente informada sobre alguns dos principais problemas sociais contemporâneos, bem como das diversas formas teóricas do seu enquadramento e das modalidades prática da sua resolução. Analisam-se, por um lado, os principais pontos de vista teóricos sobre os problemas sociais, e, por outro, o modo como estes problemas são equacionáveis à luz das principais correntes político-doutrinárias contemporâneas.
Após este enquadramento são analisados alguns dos grandes problemas atuais.


Competências:

Pretende-se que o/a estudante adquira as seguintes competências:
• Proceder a um enquadramento dos problemas sociais na perspetiva dos conceitos e correntes teóricas das ciências sociais;
• Analisar criticamente os modos de interpretação e de avaliação dos problemas sociais na perspetiva das principais correntes político-doutrinárias contemporâneas;
• Proceder ao enquadramento, interpretação e análise crítica dos problemas sociais contemporâneos especificamente analisados.

Pretende-se ainda que a aquisição de conhecimento sobre os grandes problemas sociais contemporâneos proporcione a cada estudante o aumento da capacidade de análise e reflexão crítica sobre os acontecimentos da atualidade e, deste modo, o reforço de uma consciência cívica sobre os desafios globalmente partilhados pela Humanidade na nossa casa comum: o Planeta Terra.



Conteúdos:

1 - Estudar os problemas sociais
2 - Perspetivas político-doutrinárias sobre os problemas sociais
3 - Grandes problemas ambientais
4 - Problemas demográficos
5 - Globalização económica
6 - Problemas de origem ideológica
7 - A educação como problema social

 



Bibliografia:

Carmo, Hermano (coord.) (2001), Problemas Sociais Contemporâneos, Lisboa, Universidade Aberta.

Outros:
Barata, Óscar Soares (2003), Demografia e Sistema Internacional, Lisboa, ISCSP.

Bobbio, Norberto (1992), A Era dos Direitos, Rio de Janeiro, Editora Campus.

Giddens, A. (2000), O Mundo na era da globalização, Lisboa, Presença.

Giddens, A. (2004), Sociologia, Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian.

Lijphart, A. (1989), As democracias contemporâneas, Lisboa, Gradiva.

Moreira, Adriano (1997), Ciência Política, Coimbra, Almedina.

Morin, Edgar et al (1991), Os problemas do fim de século, Lisboa, Notícias.

Naisbitt, J. (1988), Macrotendências, Lisboa, Ed. Presença.

Rubington, E. e Weinberg, M. S. (1995), The study of social problems. Seven perspectives, Oxford, Oxford University Press.

Wieviorka, M. (dir.) (1995), Racismo e modernidade, Venda Nova, Bertrand Editora.

 



Metodologias de Ensino:

E-learning.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.