PSICOLOGIA DA FAMíLIA
Código: 41049
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Ciências Sociais e de Gestão
Área Científica: Psicologia
Palavras-Chave:
    Conceito de Família
    Sistemas e Sub-sistemas familiares
    Modelos de Funcionamento Familiar
    Função educativa e social da Família
Docente:
Joaquim Gronita
Área Científica: Psicologia.
Correio Eletrónico: Joaquim.Gronita@uab.pt

Sinopse:
Esta unidade curricular procura fazer uma breve resenha acerca de aspetos conceptuais sobre noção de família, numa perspetiva histórica e teórica. Aborda tópicos referentes à convivência conjugal, onde se incluem aspetos ligados ao ciclo vital do casal e à relação conjugal. De seguida é apresentada a temática da paternidade, na qual se integram tópicos relacionados com a função e estilos das figuras parentais e educação dos filhos.
Por último, é feita uma análise da família como micro sistema da sociedade envolvente.


Competências:
Domínio de conhecimentos básicos que lhes permitam conhecer e compreender aspetos relacionados com:
• a noção de família e a sua evolução e funcionamento;
• a convivência conjugal, a relação conjugal e o ciclo de vida da;
• a família como primeira entidade socializadora da criança;
• o papel da família na sociedade.


Conteúdos:
1. Família: Perspetivas históricas e teóricas
2. Sistema familiar: estrutura, funções, comunicação, mecanismos de funcionamento, stresse e crise familiar
3. Desenvolvimento familiar: mudança e ciclo de vida da família
4. Conjugalidade
5. Parentalidade, função educativa e relações entre irmãos
6. Família e intergeracionalidade
7. Família, sociedade interculturalidade
8. Sistema familiar, funcionalidade e disfuncionalidade


Bibliografia:
Alarcão, M. (2002). (des)Equilíbrios Familiares. (2ª Ed.) Coimbra: Quarteto.
Barker, P. (2000). Fundamentos da Terapia Familiar. Climepsi.  
Gottman, J., & Silver, N. (2001). Os sete princípios do casamento. Lisboa: Pergaminho.

Gronita, J. (2008) O Anúncio da Deficiência da Criança e suas Implicações Familiares e Psicológicas. Instituto Nacional para a Reabilitação, http://http://www.inr.pt/content/1/751/coleccao-informar
Barros, J. (2002). Psicologia da Família.  Universidade Aberta.

Rebelo, L. (2007). Genograma Familia. O bisturi do médico de família. Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, [S.l.], v. 23, n. 3, p. 309-17, maio 2007.
Relvas, A. P. (2004). O ciclo vital da família. Perspetiva sistémica (3ª ED.). Edições Afrontamento.

Ramos, N. (2012). Família e maternidade em contexto migratório e intercultural. In Ramos, N., Mendes, E., Silva; A.I., Porfirio, J. (Org.). Família, Educação e Desenvolvimento no séc. XXI. Olhares Interdisciplinares. IPP, ESEP, p. 21-28 (E-Book).
Ramos, N., Marujo, M. & Baptista, A. (2012). A voz dos avós. Migração, Memória e património cultural. Lisboa: Pro Dignitate.

Williams, F. (2010). Repensar as famílias.  Princípia.
(Bibliografia adicional disponibilizada na turma virtual)

 


Metodologias de Ensino:

E-learning.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre letivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.


Observações:
Os(as) estudantes devem consultar com regularidade a página da unidade curricular: www.moodle.univ-ab.pt/moodle/