TéCNICAS DE COMUNICAçãO INTERCULTURAL
Código: 51068
ECTS: 6
Departamento: Departamento de Humanidades
Área Científica: Ciências da Comunicação
Palavras-Chave:
    1. Cultura
    2. Relações Interculturais
    3. Dimensões Culturais
Docente:
Ricardo Salomão
Área Científica: Linguística Aplicada (Estudos Portugueses).
Correio Eletrónico: ricsal@uab.pt

Sinopse:

A unidade curricular pretende ser um espaço de conhecimento e compreensão de diferentes padrões culturais, habilitando os estudantes com um quadro de referência e instrumentos para que se tornem sensíveis a outras culturas e capacitados para ser agentes de práticas adequadas em contextos de trabalho multiculturais. Diferenças nas práticas de comunicação básicas como falar e escrever podem representar tarefas de comunicação mais complexas como a persuasão e a negociação. Nesse sentido, para além de uma análise da função mediadora da linguagem na construção social da cultura, esta unidade curricular pretende ajudar a desenvolver estratégias para melhorar a comunicação.



Competências:

No final desta Unidade Curricular, os estudantes serão capazes de:
• reconhecer hábitos comunicativos padronizados,
• relacionar padrões comunicativos e os contextos em que ocorrem em diferentes sociedades e culturas,
• identificar e usar estratégias variadas para estabelecer o contacto com gentes de outras culturas,
• adequar melhor a comunicação, identificando universos de referência, estereótipos e clichés, níveis de deferência, estilos de interlocução e implícitos culturais..



Conteúdos:
Tópico 1 – A Cultura: algumas definições
Tópico 2 – Cultura:: Identidade e alteridade
Tópico 3 – Distância Hierárquica
Tópico 4 – Individualismo e Coletivismo
Tópico 5 – Sociedades “Masculinas” e sociedades “Femininas”
Tópico 6 – Controlo da Incerteza
Tópico 7 – Curto e Longo Prazo


Bibliografia:

Bibliografia Obrigatória
Hofstede, G. (2001). Culture's consequences: Comparing values, behaviours, institutions and organizations across nations (2 ed.). Londres: Sage Publications Ltd.

Bibliografia de Referência
Joynt, P., & Warner, M. (Eds.). (1996). Managing Across Cultures - Issues and Perspectives. Londres: International Thomson Business Press.
Mole, J. (2003). Mind your Manners: Managing Business Cultures in the New Global Europe (Third ed.). Londres: Nicholas Brealey Publishing.
Trigo, V. (2006). Cultura Económica Chinesa: Como Negociar na China? Mangualde: Edições Pedago.
Salomão, R. (2004, 17 de Janeiro de 2005). Seminário Internacional "Línguas e Culturas para a Internacionalização da Economia: Estratégias de Comunicação das Empresas Exportadoras". Obtido a 3 de Novembro de 2004, 2004, em www.cented.univ-ab.pt/silcie/



Metodologias de Ensino:

E-learning.




Total de Horas de Trabalho: 156
Total de Horas de Contacto: 15

Avaliação:
O regime de avaliação preferencial é o de avaliação contínua, constituída pela realização de 2/3 e-folios (trabalhos escritos em formato digital), ao longo do semestre lectivo, e de um momento final de avaliação presencial (p-fólio), a ter lugar no final do semestre, com peso de, respetivamente, 40% e 60% na classificação final. Os estudantes podem, no entanto, em devido tempo, optar um único momento presencial de avaliação, realizando, então, uma prova de Avaliação Final (exame) com o peso de 100%.


Observações:
É recomendada capacidade de leitura em Língua Inglesa.