CURRíCULO: TEORIA E PRáTICA
Código: 12086
ECTS: 8
Departamento: Departamento de Educação e Ensino a Distância
Área Científica: Ciências da Educação
Palavras-Chave:

    Currículo
    Desenvolvimento Curricular
    Contextos de aprendizagem

Docente:
Filipa Barreto de Seabra Borges
Área Científica: Ciências da Educação – Desenvolvimento Curricular
Correio Eletrónico: filipa.seabra@uab.pt

Sinopse:
Esta unidade curricular situa-se no campo dos estudos curriculares, emergindo da área designada por “Desenvolvimento Curricular”. Este considera-se um processo de natureza dedutiva, manifesto em acções cada vez mais finas, com níveis de intervenção estratificados e fases sequenciais. Assim, após o propósito da compreensão do significado de Currículo e de Desenvolvimento Curricular no quadro da Educação, pretende a aquisição de conceitos estruturantes nesta matéria que lhe permitam a distinção, enquadramento e caracterização desses elementos em contexto; isto é, durante a prática lectiva.


Competências:
No final desta unidade curricular, o estudante deverá não só conhecer os referentes de currículo mas também aplicá-los, de forma consistente, na praxis processual do mesmo currículo, isto é, em algumas das fases do Desenvolvimento Curricular. Ao distinguir e caracterizar os níveis de intervenção e as diferentes fases do currículo em desenvolvimento, deverá ser capaz de os situar em contextos de aprendizagem diversos. Deverá ainda distinguir, quer na teoria, quer na prática, as funções de executor e construtor do currículo.


Conteúdos:
(1) Conceitos de Currículo e de Desenvolvimento Curricular;
(2) Fases do Desenvolvimento Curricular;
(3) Processo do Desenvolvimento Curricular em situação;
(4) Currículo e diversidade de contextos de aprendizagem.


Bibliografia:

Bobbitt, John Franklin (1.ª ed. 2018/trad.2004). O Currículo. Lisboa: Didáctica Editora.
Doll, Ronald C. (1992). Curriculum Improvement – decision making and process. Boston: Allyn and Bacon.
Gaspar, Maria Ivone & Roldão, Maria do Céu (2007). Elementos do Desenvolvimento Curricular. Lisboa: Universidade Aberta.
Goodson, Ivor F. (2001). O Currículo em Mudança - estudos na construção social do currículo. Porto: Porto Editora.
Ornstein, Allan C. & Hunkins, Francis P. (2004). Curriculum, Foundations and Issues. Boston: Pearson Education, Inc.
Pacheco, J. A. (2005). Estudos Curriculares. Para a compreensão crítica da educação. Porto: Porto Editora.
Paraskeva, João M. (2007)- org.  Discursos Curriculares Contemporâneos. Lisboa: Edições Pedago.
Ribeiro, António Carrilho (1990). Desenvolvimento Curricular (1.ª edição). Lisboa: Texto Editora.
Roldão, Maria do Céu (2003). Diferenciação curricular revisitada. Porto: Porto Editora.
Ruiz, Maria José  (2005). Teoria del Curriculum: Diseño, Desarrollo e Innovación Curricular. Madrid: Editorial Universitas, S.A.
Silva, Tomaz Tadeu (2000). Teorias do Currículo. Porto: Porto Editora.
Slattery, Patrick (1995). Curriculum Development in the Postmodern Era. New York: – Garland Publishing. Inc.
Tanner, Daniel and Tanner, Laurel (2007). Curriculum Development  theory into practice. 4th ed. New Jersey: Pearson Education.



Metodologias de Ensino:
E-Learning (completamente online).


Total de Horas de Trabalho: 208
Total de Horas de Contacto: 20

Avaliação:
A avaliação tem caráter individual e implica a coexistência de duas modalidades: avaliação contínua (60%) e avaliação final (40%). Essa avaliação será desenvolvida na aplicação de formas diversificadas, definidas no Contrato de Aprendizagem da unidade curricular.


Observações:
O estudante deverá dominar o inglês ao nível da leitura e possuir conhecimentos de informática a nível do utilizador. Sugere-se que acompanhe e realize, em tempo útil, as actividades promovidas nesta unidade curricular, com a preocupação em intervir, assegurando a sua presença mergulhada numa atitude construtiva.