PRAGMáTICA LINGUíSTICA
Código: 52058
ECTS: 8
Departamento: Departamento de Humanidades
Área Científica: Linguística
Palavras-Chave:
    Interação verbal
    Atos ilocutórios e contextos de uso
    Estratégias discursivas
    Sequências Interativas e interlocutivas
Docente:
Carla Aurélia Rodrigues de Almeida
Área Científica: Linguística.
Correio Eletrónico: calmeida@uab.pt

Sinopse:
Neste seminário, ter-se-á por base a inter-relação entre as grandes tendências teórico-metodológicas no domínio do estudo pragmático da construção do sentido que confluem na Pragmática das Interações Conversacionais (Kerbrat-Orecchioni, 1986: 16) ou Pragmática das Sequências Discursivas (Fonseca, 1992; 1994). A perspetiva aberta por este seminário permitirá verificar como se estabelece entre locutor e alocutário um jogo de recíproca influência (interação), a intermutabilidade sequencial de papéis discursivos e interacionais (interlocução) e uma dimensão causativa do discursivo (alocução). Esta perspetiva integrada tem em conta aspetos da Pragmática Enunciativa e da Teoria da Enunciação; a Pragmática Ilocutória e a teoria dos atos de discurso de Austin e de Searle em articulação com o estudo do dizer intencional de Grice; a Análise Conversacional que congrega o estudo das sequências discursivas e do sistema de dar a vez de elocução em interação e a Análise Interacional.


Competências:
Pretende-se que, no final deste seminário, o estudante tenha adquirido as seguintes competências:
capacidades de  (i) dominar as articulações entre Léxico, Sintaxe, Semântica e Pragmática; (ii) estabelecer a relação entre as estratégias discursivas e o contexto de uso; (iii) proceder à análise das sequências discursivas e dos valores ilocutórios nelas configurados (iv) caracterizar os fundamentos subjacentes à interação comunicativa; (v) compreender os processos de coprodução do sentido.


Conteúdos:
O programa deste seminário diz respeito às temáticas relativas (i) ao paradigma da comunicação-interação; (ii) à compreensão da Competência de Comunicação; (iii) à distinção entre Significado/ sentido; (iv) ao estudo da dimensão acional da linguagem – a teoria do ilocutório e as componentes discursivas dos atos verbais; o juridismo ilocutório e as sequências discursivas; (v) à organização e ao funcionamento discursivo dos atos ilocutórios em interações verbais do quotidiano; (vi) ao domínio do implícito; (vii) aos atos indiretos; (viii) aos princípios conversacionais de Grice (1975) e ao cálculo interpretativo; (ix) às convenções do uso (Morgan, 1978); (x) ao universo de saberes compartilhado: “intencionalidade partilhada” (Searle, 1979); “competência enciclopédica” (Kerbrat-Orecchioni, 1980); (xi) ao estudo da figuração na produção de atos ilocutórios mais ameaçadores das faces do alocutário; (xii) ao “turn-taking system” (Sacks et al., 1977) e (xiii) aos critérios para delimitar uma interação conversacional (Kerbrat-Orecchioni, 1990).


Bibliografia:
Almeida, Carla Aurélia de
1998 – “O acto ilocutório de oferta em português” in Fonseca, J. (org.), A organização e o funcionamento dos discursos. Estudos sobre o Português, Tomo III, Porto, Porto Editora, pp. 157-221.
2000 – “Convi(dar)te. Análise pragmática dos actos ilocutórios de oferta e convite em interacções do quotidiano”, Cadernos de ciências sociais,  19/20, pp. 199-236.  
2008 – “O ‘envolvimento conversacional’ no momento de desenvolvimento de interacções verbais na rádio: sequências de actos ilocutórios e ‘estratégias de alinhamento’ em programas de rádio específicos”, in Frota, Sónia; Santos, Ana Lúcia (org.), Textos seleccionados. XXIII Encontro Nacional da Associação Portuguesa de Linguística, Évora, 1-3 de outubro de 2007, Lisboa, Colibri, 2008, pp. 7-21; também disponível em http://www.apl.org.pt/images/docs/apl2008.pdf
Fonseca, Joaquim
1994 – Pragmática linguística. Introdução, teoria e descrição do Português, Porto, Porto Editora.
Goffman, Erving
1974 –  Les rites d'interaction, Paris, Les Éditions de Minuit.
1981 – Forms of talk, Philadelphia; University of Pennsylvannia Press.
Kerbrat-Orecchioni, Catherine
1990 – Les interactions verbales, I, Paris, Armand Colin.
2001 – Les actes de langage dans le discours, Paris, Nathan.
2005 – Le discours en interaction, Paris, Armand Colin.
Lima, José Pinto de (org.)
1989 - Linguagem e acção: da filosofia analítica à linguística pragmática, Lisboa, Materiais Críticos.
Searle, John
1979 – Expressing and meaning, studies in the theory of speech acts, Cambridge, Cambridge University Press.
Outras referências bibliográficas serão indicadas nos diferentes módulos da UC durante o trabalho conjunto. Os estudantes terão recursos bibliográficos online e offline.
 


Metodologias de Ensino:
E-learning


Total de Horas de Trabalho: 208
Total de Horas de Contacto: 32

Avaliação:
A avaliação tem caráter individual e implica a coexistência de duas modalidades: avaliação contínua (60%) e avaliação final (40%). Essa avaliação será desenvolvida na aplicação de formas diversificadas, definidas no Contrato de Aprendizagem da unidade curricular.


Observações:
É obrigatório o recurso a um computador com ligação de banda larga à Internet.